Resumo dos Contos – Julho de 2013

resumo

Contos do Mês

Um início promisso

Durante o mês de Julho, dediquei-me a iniciar os trabalhos do Blog. As inspirações, na verdade, sempre estiveram lá, trancadas, armazenadas em algum lugar. Decidi deixá-las fluir e apresentar aos meus amigos, como uma forma de exprimir os meus sentimentos. Foi, e continua sendo, uma experiência fenomenal, pois processa e deixa sair emoções e entendimentos que, aos poucos, têm reverberado nos leitores.

Agradeço ao apoio de todos, e espero que continuemos juntos.

Abraços,

Homero


A Cachoeira

Um poema sobre uma cachoeira

O poema tenta mostrar a fluidez de uma cachoeira, e como ela suavemente abraça a pedra. Transforma a aspereza da pedra na suavidade da água.

https://fatosenotas.wordpress.com/2013/07/08/a-cachoeira/

A Terra e a Poeira. Um Conto

O primeiro dos contos

A vida é uma experiência inusitada. Estando vivo, sempre estamos expostos a experiências que prometem nos tornar melhores a cada dia. A poesia permeia este conto, e diz muito de como somos vulneráveis.

https://fatosenotas.wordpress.com/2013/07/11/a-terra-e-a-poeira-um-conto/

Dor na Alma

Sobre a estupidez da escravidão

O Ser humano tem uma capacidade incrível de tonar-se mal. E durante a história, experimentamos diversos momentos em que isso ocorreu. Esse poema é sobre um negro sendo açoitado de fronte a sua mãe. Das palavras conseguimos extrair a dor física, da humilhação e da mãe.

https://fatosenotas.wordpress.com/2013/07/12/dor-na-alma/

Expandindo os Limites

Inusitado

Muitas vezes deixamos a vida correr de maneira a acostumarmo-nos ao cotidiano. Somos capazes de esconder bem longe dos olhos dos outros as dores que carregamos no peito. Em um encontro inusitado em um aeroporto, um padre finalmente se dá conta de sua missão, especialmente com sua mãe.

https://fatosenotas.wordpress.com/2013/07/13/expandindo-os-limites/

A Semente

Enfrentando os medos, pelo bem maior

Sempre que encaramos os nossos medos, somos capazes de expressar as nossas verdades. A família é o maior de todos os tesouros que temos. E como agentes sociais, temos a obrigação de expressar nossa voz para garantir as famílias de todos. O conto de dá em Berlim, 1940, em uma igreja protestante.

https://fatosenotas.wordpress.com/2013/07/20/a-semente/

O Encontro

Dois lados de uma mesma moeda

O bem e o mal têm diversas formas. Criam sistematicamente diferentes cenários e sobre eles se expressam. Durante o século 20, a determinação de um acabou criando o mal pela destruição. Ambos lados negociam e acabam acordando sobre o que fazer.

https://fatosenotas.wordpress.com/2013/07/28/o-encontro/

De Pai para Filho

Sobre o Amor de Pai

Quando temos filhos, buscamos ser um exemplo para eles. Mas as palavras e ações, muitas vezes, dizem menos do que conseguimos escrever. Esta carta para meus filhos fala desse amor, das esperanças e das lições a esperar da vida. Um texto poético, real e atual.

Anúncios

2 comentários sobre “Resumo dos Contos – Julho de 2013

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s